Conheça e visite os 6 principais faróis existentes em Salvador.

No passado, em suas aventuras marítimas, os povos precisavam de referência em terra para que pudessem retornar com segurança. Com isso, deram início os primeiros desenhos das costas, dando origem aos mapas. Porém, ao anoitecer, era precisa outra alternativa.

A solução encontrada foi acender fogueiras em rochas altas. Para proteger contra possíveis acidentes, passaram a ser erguidas paredes e tetos de pedra ao redor, surgindo, desse modo, os faróis. Em Salvador, esses faróis carregam muito da história da cidade e do Brasil, além de serem lugares belíssimos, com vistas incríveis para a cidade.

Por isso, selecionamos 6 principais faróis soteropolitanos, para você conhecer, visitar e saber mais da nossa história:

Forte de São Pedro

Wikimedia|CC-BY

 

O Forte de São Pedro, localizado no bairro de Campo Grande, em Salvador, foi erguido no século XVII pelos holandeses para a implantação de uma fortificação. Em 1822, na Guerra da Independência, foi tomado pelos brasileiros. O forte serviu como quartel general na Revolta da Sabinada entre 1837 e 1838. Teve grande influência na proclamação da República na Bahia. Para visitar o local, é preciso marcar com antecedência. O horário de funcionamento é de segunda à quinta das 08h às 11h30 e das 13h30 às 16h30; às sextas das 08h às 11h30.

Forte de Santa Maria

Wikimedia|CC-BY

 

Situado no largo da praia do Porto da Barra, no bairro de mesmo nome, o Forte de Santa no litoral do Estado, foi erguido em 1614. Sua fachada ainda exibe o emblema do Império do Brasil. Foi tombado pelo Iphan, em 1938, e é administrado pela Marinha.

Forte de São Diogo

Wikimedia|CC-BY

 

O Forte de São Diogo localiza-se na Praça Azevedo Fernandes, no bairro da Barra. Foi erguido na base do Morro de Santo Antônio, ao lado direito da praia do Porto da Barra, local onde anteriormente existiu o Castelo do Pereira. Próximo ao forte também estão a Igreja de Santo Antônio da Barra e o Instituto Mauá, este já na Avenida Sete de Setembro.

Forte do Monte Serrat

Wikimedia|CC-BY

 

O Forte de Nossa Senhora de Monte Serrat localiza-se em posição dominante na ponta de Monte Serrat, limite Norte da cidade de Salvador à época do Brasil Colônia, atual rua da Boa Viagem, no litoral do estado. Um pouco isolado da área turística, tem belíssima vista para a Baía de Todos os Santos. Reformado várias vezes por causa de invasões históricas, mantém a planta original de 1742, com seis torres e o poço que abastecia os soldados.

Forte de Santo Antônio da Barra – Farol da Barra

Wikimedia|CC-BY

 

O Forte de Santo Antônio da Barra localiza-se na ponta do Padrão (atual Largo do Farol da Barra). A primeira estrutura no local, para defesa da barra do porto da então capital da Colônia, foi erguida durante o Governo Geral de Manuel Telles Barreto. O Museu do local funciona de terça a domingo, das 08h30 às 19h (todos os dias em janeiro e julho). Os ingressos custam R$ 10 (inteira); R$ 5 (estudantes, professores e idosos, e grupos escolares); grátis (menores de 7 anos e deficientes físicos).

Forte de São Marcelo

Wikimedia|CC-BY

 

O Forte de São Marcelo, também conhecido como Forte do Mar encontra-se tombado pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) desde 23 de maio de 1938, tendo se procedido à recuperação do cais de atracação em 1942. O forte fica em frente ao cais e ao Mercado Modelo. No entanto, a fortaleza está temporariamente fechada para visitação.

Fonte: X

Advertisements

You may also like

Deixe uma resposta