Dreadlocks: liberdade de expressão e resistência negra reunidos em um penteado.

Os Dreadlocks são símbolo da resistência negra, liberdade de expressão e uma ideologia alternativa de pensamento, que ficou bastante conhecido por influência do movimento rastafári (que não cortam nem penteiam os cabelos por motivos religiosos) representado na cultura popular por um dos maiores líderes de luta e resistência negra, o cantor, guitarrista e compositor jamaicano, Bob Marley.

 

Resultado de imagem para bob marley

 

 

Há indícios de que o estilo já tenha sido adotado na África e na Índia desde a antiguidade bíblica e pré-bíblica. O penteado é tão antigo que não é possível determinar corretamente quando começaram a ser utilizados. Uma vez que os cabelos humanos ficam emaranhados quando não são cortados ou penteados, é bem possível que os homens pré-históricos tivessem cabelos semelhantes aos dreadlocks, e isso também se aplica a muitos povos antigos.

7 Penteados com Tranças Box Braids para você usar e arrasar!

Resultado de imagem para seu jorge dreads

Do preconceito à tendência de moda

Talvez por fugir drasticamente dos padrões ocidentais de beleza, o usuário de dreads pode ser vítima de preconceito, a ponto de ter problemas para conseguir emprego, sobretudo quando a atividade exige contato direto com um público mais conservador, que associa o estilo ao puro desleixo. Por outro lado, o uso de dreads é muito bem aceito em ambientes ditos alternativos ou ligados à contracultura e, em diversas versões, com cabelos naturais ou fios sintéticos, acabou por ser apropriado pela indústria da moda.

Tipos

Dread de lã ou linha

Os dreads de lã ou linha de crochê são temporários (duram até 3 meses e não danificam o cabelo), feitos com base de lã e cobertos com linha ou lã da cor que você preferir. São uma boa opção para quem quer alongar os cabelos, já que você pode deixá-lo do comprimento que você quiser, independente do comprimento do seu cabelo.

 

Resultado de imagem para dreads aplique

Dreads Removíveis

São idéias para quem quer experimentar sem danificar os cabelos definitivamente. Também podem ser usados por até 3 meses e tirados sem danificar o cabelo natural. Eles podem ser feitos com dreads de cabelos naturais, ou sintéticos. Fixos no cabelo de uma forma diferente do dread natural. É feito uma costura com um fio que fica misturado ao cabelo, então não aparece.

Dread de agulha

Os dreads de agulha são fixos e modelados apenas com agulha de crochê, embaraçando as mechas do cabelo. É a escolha daqueles que pretendem cultivá-los por muito tempo, já que quanto mais velhos, mais bonitos!

Dread de cera

É considerado um método fácil de fazer, mas não tão higiênico. Ele é pouco utilizado nos dias de hoje, após o surgimento da técnica com agulha. A modelagem dos dreads é feita com cera de abelha para fixa-lo após a mecha do cabelo ser embaraçado.

Cuidados

Independente do método que usar para fazer os seus dreadlocks, os cuidados serão os mesmos. Veja quais são os principais para ajudar a manter a beleza do seu penteado por mais tempo:

  • Lave os dreads uma vez por semana e apenas com shampoo sem aditivos, ou seja, sem perfumes, condicionadores ou qualquer outro que possa se acumular no cabelo e causar mau cheiro futuramente.
  • Aplique o shampoo apenas no couro cabeludo e deixe que a espuma e a água se escorram pelo comprimento dos dreads.
  • Evite esfregar os dreads para que eles não se desmanchem ou percam a sua forma.
  • Opte sempre por shampoos anticaspa, antirresíduos ou até mesmo sabão de coco para evitar caspa, dermatite muito comum em pessoas com dreads.
  • Lave os dreads sempre durante o dia para que eles tenham tempo de secar até chegar a hora de dormir. Ir para a cama com os dreads molhados pode causar mofo e fungos nos cabelos.
  • Evite o uso de óleos, condicionadores e máscaras de tratamento para evitar que o dread fique oleoso e se desmanche com facilidade.

Deixe seu comentário